Assim funciona a Suíça

Cada país tem sua própria identidade cultural. Assim, na Suíça também existem algumas regras não escritas que se devem respeitar.

Culturas diferentes

A Suíça é um país multicultural. Especialmente por causa dos quatro grupos linguísticos. Por esta razão, não é de estranhar que as mentalidades variem muito, a nível regional. Peculiaridades culturais da Suíça alemã podem não se aplicar à Suíça francesa. Também as diferenças entre as zonas urbanas e rurais podem ser grandes. No entanto, há algumas semelhanças.

Saudação

Apertar a mão e, olhar a pessoa nos olhos, é a forma de cumprimentar mais praticada na Suíça, também entre homens e mulheres. A fórmula de saudação usual é "Grüezi" (entre amigos existem outros tipos de saudação, tais como "Hallo" ou "Hoi"). Nas regiões rurais cumprimenta-se, regra geral, na rua, mesmo quando as pessoas não se conhecem. Igualmente importantes são as expressões "obrigado" e "por favor": por exemplo, nas lojas ou restaurantes é quase um ritual, dizer várias vezes "obrigado" e "por favor".

Pontualidade

A famosa pontualidade suíça não é apenas um clichê. Se estiver atrasado mais de 5 minutos, deve avisar por telefone. No mundo do trabalho, em particular, dá-se muita importância à pontualidade. Geralmente, quando se quer encontrar com alguém marca-se um encontro com antecedência. Visitas não anunciadas também não são norma, mesmo em círculos particulares.

Comunicação indirecta

Na Suíça, apenas se fala sobre coisas desagradáveis indirectamente. Muitos dos interlocutores expressam críticas de forma indirecta ou com subtileza. No entanto, esperam que a crítica seja percebida. Isto não é fácil quando ainda não se fala bem o alemão. Uma vez que se pretende preservar a harmonia é evitada, com frequência, uma confrontação directa em situações de conflito. Por isso, pode acontecer receber uma carta do vizinho, por exemplo, quando algo o incomoda. Caso surja alguma dúvida, é melhor perguntar uma vez a mais do que a menos.